Obsessão pelos Judeus!

Existe uma crescente obsessão entre os evangélicos em converter Judeus para o cristianismo. Uma das fontes para isso foi a declaração de Paulo no Novo Testamento:

Não me envergonho do evangelho, porque é o poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê: PRIMEIRO DO JUDEU, depois do grego.” (Romanos 1:16).

Muitos cristãos também acreditam que seu falso messias só voltará quando os Judeus também acreditarem nele. Essa crença é baseada em uma passagem em Mateus quando Jesus se dirigindo aos Judeus disse:

Pois eu lhes digo que vocês não me verão desde agora, até que digam (os Judeus): Bendito é o que vem em nome do Senhor’”. (Mateus 23:39).

Missionário em Parque Infantil no Brooklyn, NY

Missionário em Parque Infantil no Brooklyn, NY

As igrejas evangélicas têm investido milhões de dólares anualmente em organizações com o único objetivo de converter Judeus.

Eles colocam missionários nas universidades, escolas, parques infantis, bairros judaicos e inclusive enviam mochileiros para Índia e Nova Zelândia atrás de Israelenses viajando quando liberados do exército.

Para conseguir conquistar Judeus, organizações como Jews for Jesus usam missionários disfarçados de Judeus e substituem terminologias cristãs por Judaicas.

Para justificar essa atitude eles se baseiam na passagem do Novo Testamento que é a maior declaração de hipocrisia já escrita na história. Veja o que Paulo disse:

Tornei-me Judeu para os Judeus, a fim de ganhar os Judeus. Para os que estão debaixo da lei, tornei-me como se estivesse sujeito à lei, (embora eu mesmo não esteja debaixo da lei), a fim de ganhar os que estão debaixo da lei Para os que estão sem lei, tornei-me como sem lei, a fim de ganhar os que não têm a lei. Para com os fracos tornei-me fraco, para ganhar os fracos. Tornei-me tudo para com todos, para de alguma forma salvar alguns. Faço tudo isso por causa do evangelho, para ser coparticipante dele.” (1 Coríntios 9:20-23).