Será que o Talmud fala deste pseudo messias JC?

O Talmud é o que nós judeus conhecemos como a Torá shebeal-pe compilação oral do que Ha’Shem transmitiu a Moshê rabeinu no Sinai.

Eu costumo dizer que Ha’Shem deu a Moshê a Torá she-bichtav(escrita) com um ingrediente de um lindo bolo e saboroso, porém o Talmud é a forma de preparo deste bolo saboroso, que é uma elite para alma a Torá.

O Talmud tem dois componentes principais:
A Mishná, um livro sobre a lei judaica, escrito em hebraico
e a Guemará, comentário e elucidação do primeiro, escrita em jargão hebraico-aramaico.

Já esse pseudo messias chamado JC, nada tem escrito sobre ele no Talmud e sim fontes baseadas em informação retirada do Tosefta e do Baraitas – escritos feitos ao mesmo tempo das Mishnot,
mas não contidos neste, quero dizer, não no Talmud.

Mesmo assim o que veremos neste contexto é sobre um rabino reformista da época chamado Yehoshua Ben Pandeira ou Panderas, conhecido, mas tarde como Yeshu Ha-Nostry, isso é o que reivindica alguns escolares cristãos, porém esse nome não se refere a Jesus de Nazaré e sim yeshu o rebento, porém os cristãos sempre ignoram esta tradução pela falta de informação do aramaico e do hebraico.

Bom, também Yeshu pode ser considerado o diminutivo de Yehoshua ou um acróstico ‘‘seja o seu nome apagado’’.

Sendo assim podemos refutar que nada tem sobre JC no Talmud.

O que vocês me dizem, meus prezados???

Porém o cristianismo tenta justificar que o JC é Yeshu Ha-notsry – Jesus cristo.